Estruturas secretoras de Pavonia alnifolia (Malvaceae), uma espécie ameaçada de extinção

Rafael Ribeiro Pimentel, Silvia Rodrigues Machado, Joecildo Francisco Rocha

Resumo


Malvaceae possui grande diversidade morfológica de estruturas secretoras, que por sua vez apresentam importância ecológica e taxonômica. Entretanto até o momento não foram encontrados registros de estudos sobre as estruturas secretoras em Pavonia alnifolia A.St.-Hil., uma espécie ameaçada de extinção, endêmica de restingas do Rio de Janeiro e Espírito Santo. No presente estudo são apresentados dados anatômicos e histoquímicos das estruturas secretoras da referida espécie. O material foi coletado na Restinga da Marambaia - Rio de Janeiro e processado de acordo com técnicas usuais para estudos de anatomia e histoquímica. A análise dos resultados mostrou a presença de canais, cavidades, idioblastos e tricomas secretores de mucilagem; idioblastos de substâncias fenólicas e lipídicas, além de nectários florais. As secreções produzidas por estas estruturas representam um papel potencialmente importante para adaptação da espécie ao ambiente de restinga, estando envolvidas na manutenção de interações com insetos visitantes, o que constitui relevante modelo para realização de estudos experimentais com abordagem ecológica.

Palavras-chave


anatomia, estruturas secretoras, restinga, Marambaia, Pavonia

Texto completo:

PDF


Esta publicação é filiada à ABEC

Licença Creative Commons
Rodriguésia - Revista do Jardim Botânico do Rio de Janeiro is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial 3.0 Unported License.
A licença se aplica a todos os trabalhos disponíveis no site rodriguesia.jbrj.gov.br.