Composição florística e fisionomia de uma floresta estacional semidecídua submontana na Chapada Diamantina, Bahia, Brasil

Ana Paula Lima Couto, Lígia Silveira Funch, Abel Augusto Conceição

Resumo


O estudo visou conhecer a composição florística e descrever a fisionomia de um trecho de floresta estacional semidecídua submontana e investigar as relações florísticas na Chapada Diamantina. As angiospermas foram mensalmente coletadas em 2004 e maio/2006 a agosto/2007. A fisionomia foi caracterizada pelo perfil e hábitos das espécies. Foram identificadas 117 espécies de 85 gêneros em 49 famílias. Alguns táxons mais ricos em espécies são recorrentes em outras florestas estudadas no Brasil, destaque às famílias Fabaceae, Myrtaceae, Lauraceae e Apocynaceae, e aos gêneros Ocotea, Myrcia, Casearia e Inga. O dossel apresenta árvores de 10 a 16 m de altura, destacando-se Micropholis gardneriana e Pogonophora schomburgkiana, com emergentes até 26 m de altura. O subdossel é formado por indivíduos com 6 a 9 m de altura, representado pela grande maioria das árvores. O sub-bosque é formado em sua maioria por indivíduos jovens das espécies dos estratos superiores, espécies das famílias Rubiaceae e Melastomataceae e a espécie Parodiolyra micrantha (Poaceae). Comparações com outras florestas revelaram táxons de maior constância relativa e maior riqueza do componente arbóreo na Chapada Diamantina: Myrtaceae, Fabaceae, Anacardiaceae, Apocynaceae, Sapotaceae, Simaroubaceae, Calyptranthes, Pouteria, Simarouba, Tapirira, Clusia, Miconia, Myrcia e Protium. O estudo revelou distinção entre a floresta estacional submontana e as demais formações florestais da Chapada Diamantina, reforçando a necessidade de ampliação dos estudos florísticos e estruturais dessas florestas.

Palavras-chave


Fitogeografia, florestas estacionais, similaridade

Texto completo:

PDF


Esta publicação é filiada à ABEC

Licença Creative Commons
Rodriguésia - Revista do Jardim Botânico do Rio de Janeiro is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial 3.0 Unported License.
A licença se aplica a todos os trabalhos disponíveis no site rodriguesia.jbrj.gov.br.