A erradicação das cabras ferais e seu impacto sobre a biodiversidade vegetal – um marco na história da Ilha da Trindade, Brasil

Nilber Gonçalves da Silva

Resumo


Os recentes sinais de recuperação da flora nativa e endêmica da Ilha da Trindade, Brasil, são atribuídos à erradicação de vertebrados introduzidos no século XVIII. Três séculos de devastação resultaram no desaparecimento de espécies vegetais endêmicas e na redução drástica da cobertura florestal e das populações de aves marinhas. Em 2005 a Marinha do Brasil conclui a erradicação das cabras ferais, resultando no início da expansão da cobertura vegetal em áreas previamente nuas. Os únicos vertebrados invasores remanescentes são os camundongos. Esse fato representa um marco na história natural de Trindade e deve incentivar novos trabalhos de conservação na ilha.

Palavras-chave


regeneração natural, vertebrados invasores, ilha oceânica

Texto completo:

PDF (English)


Esta publicação é filiada à ABEC

Licença Creative Commons
Rodriguésia - Revista do Jardim Botânico do Rio de Janeiro is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial 3.0 Unported License.
A licença se aplica a todos os trabalhos disponíveis no site rodriguesia.jbrj.gov.br.