Composição florística da vegetação altimontana do distrito de Monte Verde (Camanducaia, MG), Serra da Mantiqueira Meridional, Sudeste do Brasil

Leonardo Dias Meireles

Resumo


A Serra da Mantiqueira apresenta um mosaico de formações vegetacionais composto por florestas altimontanas, florestas de araucária, campos de altitude e afloramentos rochosos. Realizamos um levantamento florístico nas formações altimontanas do distrito de Monte Verde, Camanducaia, MG, Sudeste do Brasil, para quantificarmos a riqueza específica de cada formação e analisarmos a distribuição geográfica das espécies. Foram coletadas 499 espécies, distribuídas entre 97 famílias e 285 gêneros. As famílias com maior riqueza específica foram Asteraceae (77 espécies), Melastomataceae e Orchidaceae (25), Myrtaceae (24), Solanaceae (23), Cyperaceae e Fabaceae (22), e Rubiaceae (18). Os gêneros mais ricos foram Baccharis (16 espécies), Solanum (15), Leandra (10), Myrceugenia (9), Tibouchina (8) e Myrcia (7). Registramos a ocorrência de três espécies recém-descritas e cinco novos registros para o estado de Minas Gerais. Cerca de 60 espécies são exclusivas do Sudeste brasileiro, enquanto 124 ocorrem também na região Sul. A presença de espécies endêmicas e com distribuição geográfica restrita destaca a influência da Serra da Mantiqueira na distribuição de espécies vegetais no Domínio da Floresta Atlântica.

Floristic composition of high-montane vegetation in the district of Monte Verde (Camanducaia, Minas Gerais), Serra da Mantiqueira Meridional, Southeast Brasil

Abstract

The Serra da Mantiqueira mountain range harbors a mosaic of high-mountain vegetation composed of upper montane forests, Araucária forests, high-altitude grasslands and rocky outcrops. A floristic survey was carried out in the upper montane formations of Monte Verde district, Camanducaia, in the State of Minas Gerais, southeastern Brazil, to quantify the richness of each formation, and analyze the geographic distribution of species. A total of 499 species was collected, distributed among 97 families and 285 genera. The richest families were Asteraceae (77 species), Melastomataceae and Orchidaceae (25), Myrtaceae (24), Orchidaceae (23), Solanaceae (23), Cyperaceae and Fabaceae (22), and Rubiaceae (18). The richest genera were Baccharis (16 species), Solanum (15), Leandra (10), Myrceugenia (9), Tibouchina (8), and Myrcia (7). The occurrence of three newly described species and five new records for Minas Gerais state were observed. About 60 species occur only in the southeast of Brazil, while 124 also occur in the southern region of Brazil. The occurrence of endemic species and species with narrow geographic distribution showed the influence of the Serra da Mantiqueira mountain chain on the distribution of plant species in the Atlantic Forest Domain.



Palavras-chave


floresta atlântica, florestas altimontanas, florestas de araucária, campos de altitude, afloramentos rochosos, Atlantic rain forest, upper montane forests, araucaria forests, high altitude grasslands, rocky outcrop

Texto completo:

PDF (artigo / paper)


Esta publicação é filiada à ABEC

Licença Creative Commons
Rodriguésia - Revista do Jardim Botânico do Rio de Janeiro is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial 3.0 Unported License.
A licença se aplica a todos os trabalhos disponíveis no site rodriguesia.jbrj.gov.br.